quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Quando escrevo...




Quando escrevo
É por que não soube falar
Quando escrevo
Não fui bom o bastante
Quando escrevo
Estou tentando me aproximar

Quando componho
É porque não soube chorar
Quando a canto
É porque xingar não foi bom desabafo
Quando poetizo
É porque não soube orar, dialogar
Vai um poema ai?

Quando o trabalho atravessa a madrugada
Eu não soube aproveitar o sol, a luz
O negrume da noite ilumina a minha reflexão
E esconde de mim os meus pecados
Só para aliviar

Quando contemplo o que me rodeia
Meus amores, as canções, as crianças...
É porque tive cede e não tive em mim o que beber
Pra reatar-me com a vontade de amar

Daniel Babugem

3 comentários:

Juliano Antunes disse...

Muito bom cara...
O BLOG ficou muito show, cara nova e talls...d+
Vou linkar...hehe

PutZZ velho, estou querendo ir ai, mas ta foda aqui...Mas qualquer hora te ligo, (pretendo ligar este final de semana)rs...

Abraços pra vcs e p/ a pequena Vitória.

:)

Fernanda Costa Lacerda disse...

Excelente primo!

(o banner já ta no blog)

Anônimo disse...

SEU TEMPO ESTÁ PASSANDO